A vez das mulheres nos games

 

 

FIFIA16

Lucrativos e com mais de dezenas de títulos em diferentes plataformas, os games oficiais da Fifa terão a presença de times femininos, pela primeira vez. Jogadoras das seleções femininas da Alemanha, EUA, França, Suécia, Inglaterra, Brasil, Canadá, Austrália, Espanha, China, Itália e México estarão entre as equipes compostas por mulheres.

Para incluí-las neste universo, foram capturados e digitalizados os movimentos corporais de jogadoras famosas, como Christine Sinclair, do Canadá, Alex Morgan, dos EUA, e Stephanie Houghton, da Inglaterra. A notícia repercutiu bastante na imprensa especializada e sinalizou uma mudança em relação ao público feminino que, por exemplo no Brasil, representa cerca de 40% entre os gamers.

A Coordenadora dos Cursos Superiores de Tecnologia em Jogos Digitais e de Análise e Desenvolvimento de Sistemas da UniRitter, Isabel Cristina da Silva, considera um avanço importante esta inclusão: “O Fifa 2016 vem para impulsionar esta mudança de paradigma que temos acompanhado em relação à retratação das personagens femininas em videogames. Se a cultura dos jogos em relação a mulheres costumava retratá-las com corpos sinuosos e roupas externamente justas ao corpo, tanto no papel de heroínas como de donzelas, nota-se um movimento cada vez mais forte no sentido de romper este estereótipo.”

Confira o trailer do Fifa 16 que deve estrear no mês de setembro: